A Disfunção Temporomandibular e a Dor Orofacial é a especialidade da Odontologia que diagnostica e trata das doenças que afetam uma das articulações mais complexas do corpo humano, que é a ATM. Essa articulação é fundamental no processo da mastigação e deglutição, sendo imprescindível no auxílio ao aporte energético ao corpo humano.

Segundo a Academia Americana de Dor Orofacial, as desordens temporomandibulares inclui um grupo variado de condições articulares e não articulares, que geralmente apresentam sinais e sintomas bastante parecidos

Enquanto as condições articulares provocam sintomas mais ligados à articulação em si, com desordens dos discos articulares, infecções, artrites , anquiloses e fraturas, as desordens não articulares ligam-se aos aspectos musculares, com a presença de contraturas, mioespasmos, trismos, cujas dores, de grande intensidade, pioram com a função mastigatória.

Já existem Critérios de Diagnósticos para essas patologias, estabelecidos por órgãos internacionais, no entanto, o uso desses critérios se iniciam através das observações clínicas e pelo relatório oral fornecido pelo próprio paciente, durante anamnese.

Ao conjunto, soma-se um exame clínico direcionado ás estruturas envolvidas. Como a dor é o sintoma mais comum pelo qual o paciente procura auxílio na Clínica Odontológica, cabe ao Cirurgião-Dentista controlar e aliviar o quadro doloroso de forma efetiva, minimizando o sintoma primário da dor e prevenindo complicações futuras da função mastigatório, já que a ATM, sendo uma articulação extremamente adaptativa, continua a desempenhar suas funções, mesmo quando suas estruturas internas e externas não apresentam condições de trabalho efetivo.

O especialista nessa área tem que ter profundos conhecimentos da fisiologia da mastigação, da anatomia de tão complexo e intrincado sistema, e deve estar apto ao diagnóstico diferencial, para poder trabalhar com segurança na tríade oclusão-ATM-músculo, estabelecendo tratamento adequado com restabelecimento da harmonia mastigatória e eliminação dos quadros dolorosos.

2022-01-30T15:18:19-03:00
Go to Top