Espirros, coceira nasal e ocular, obstrução nasal. Dificuldade para dormir, tosse, dor de cabeça. Sintomas que se repetem anualmente entre os meses de agosto e outubro de maneira mais intensa.

Você possivelmente sofre com a rinite sazonal!

A origem da doença está na sensibilização do sistema imunológico por pólens, liberados mais intensamente nessa época do ano.

Depois de sensibilizado, seu sistema imunológico faz uma verdadeira guerra nos contatos subsequentes com essas substâncias.

Os medicamentos podem trazer grande alívio dos sintomas. Algumas substâncias podem até mesmo evitar que os mesmos apareçam , se administrados preventivamente no momento adequado. Mas, infelizmente, não curam a doença.

Para pacientes que não têm boa resposta ao tratamento clínico habitual, ou apresentam sintomas muito intensos, a imunoterapia ( vacinas de dessensibilização) podem ser um bom caminho.

Algumas medidas gerais podem ajudar. Como qualquer alergia, evitar o contato com o que provoca os sintomas é sempre uma boa recomendação. Um passeio no campo nessas épocas do ano, não é um bom programa para o paciente que apresenta essa patologia.

Evitar ficar ao ar livre em dias de vento também é uma boa recomendação. Os polens vêm até você com muita facilidade.

Hidratação e higienização nasal com uso de soro fisiológico é sempre uma boa medida. Aumentamos essa recomendação quando a baixa umidade do ar se faz presente.

2022-01-30T14:46:49-03:00
Go to Top